Álvaro Colom vence a eleição na Guatemala

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Álvaro Colom dando suas primeiras declarações como presidente eleito.

6 de novembro de 2007

Com 96% dos votos contabilizados, o Tribunal Superior Eleitoral da Guatemala declarou o senhor Álvaro Colom – do partido social democrata Unidad Nacional de la Esperanza (Unidade Nacional da Esperança) – o novo Presidente da Guatemala para o período 2008-2012.

Com quase a totalidade de urnas apuradas, o tribunal eleitoral anunciou para a imprensa nacional e internacional os resultados finais: 1.431.793 votos (52,81%) para a Unidade Nacional da Esperança e para o Partido Patriota 1.279.793 votos (47,19%).

Dos mais de 6 milhões de guatemaltecos que em condições legais de votar, somente 2.861.058 compareceram aos centros de votação. Esta eleição foi marcada pela apatia e o abstencionismo. Os guatemaltecos demonstraram desinteresse pela política e muitos habitantes se queixaram do facto de os candidatos nunca terem debatido a fim de que fosse possível conhecer suas propostas.

Fontes