Zelensky: Mais de 200.000 crianças emigraram à força para a Rússia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

2 de junho de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky acusou a Rússia de continuar a perseguir uma política de realocação forçada de ucranianos para áreas remotas da Rússia.

O presidente Zelensky disse em um discurso em vídeo na noite do dia 1º que mais de 200.000 crianças ucranianas foram forçadas a deixar o país até agora.

“A Rússia está deslocando à força adultos e crianças”, disse ele. “Este é um dos crimes de guerra mais hediondos.”

O presidente Zelensky disse que as autoridades russas estão dispersando pessoas deslocadas à força em território russo, especialmente em áreas remotas, para evitar isso, disse ele.

Enquanto isso, o presidente Zelensky disse que pelo menos 243 crianças foram mortas, 446 feridas e 139 desaparecidas desde a invasão russa.

Fontes