Vence ultimato de palestinos que mantêm cativo soldado israelense

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

5 de julho de 2006

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Extremistas palestinos ligados ao Hamas mantém como refém um soldado israelense de 19 anos que foi capturado em 25 de junho.

Na manhã desta terça-feira (4) venceu um ultimato dado por eles. Os extremistas palestinos disseram que Israel tinha até esta manhã para começar a libertar centenas de prisioneiros palestinos, do contrário teriam que pagar pelas conseqüências.

Há a preocupação de que o soldado seja torturado ou morto.

Israel ignorou as exigências para a libertação do prisioneiro e disse que não negocia com terroristas.

Segundo declarou o porta-voz do Hamas Ghazi Hamad para a Rádio Israel, as exigências dos seqüestradores é uma resposta para as recentes incursões militares na Faixa de Gaza feitas por tropas do Exército de Israel nas últimas semanas.

Fontes