Um em cada três novos desempregados no mundo será brasileiro

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

13 de janeiro de 2017

O número de desempregados no mundo deverá subir de 5,7 por cento em 2016 para 5,8 por cento em 2017, o que representará um aumento de 3,4 milhões no número de pessoas desempregadas.

A conclusão é relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) apresentado nesta quinta-feira, 12. Ao todo, serão 201,1 milhões de pessoas sem emprego no planeta neste ano

O estudo "Perspectivas sociais e do emprego no mundo - Tendências de 2017", revela que um de cada três novos desempregados no mundo em 2017 será brasileiro.

A OIT estima que o Brasil terá 1,2 milhão de desempregados a mais na comparação com 2016, passando de um total de 12,4 milhões para 13,6 milhões, e chegará a 13,8 milhões em 2018.

Em termos absolutos, o Brasil terá a terceira maior população de desempregados entre as maiores economias do mundo, superado apenas pela China e Índia.

Na China, a OIT prevê que o número subirá de 37,3 milhões para 37,6 milhões em 2016, enquanto na Índia, aumentará de 17,7 milhões para 17,8 milhões.

A OIT projecta o índice de desemprego no Brasil neste ano em 12,4 por cento, um ponto acima do percentual de 2016. Para 2018, a projecção também é de 12,4%.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com