Termina sem acordo reunião entre Zelaya e Micheletti na Costa Rica

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

11 de julho de 2009

Depois de dois dias de conversas, terminou sem acordo a reunião entre o presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, e o atual presidente do país, Roberto Micheletti. A reunião, realizada em San José, na Costa Rica, foi mediada pelo presidente costa-riquenho Oscar Arias.

Segundo a BBC Brasil, não chegou a haver uma reunião conjunta entre Arias, Zelaya e Micheletti, que se reuniram separadamente com o chefe do governo da Costa Rica, pois os hondurenhos se recusaram a ficar frente a frente.

Porta-vozes de Zelaya e Micheletti admitem a possibilidade de retomada das negociações em breve. Contudo, alguns líderes latino-americamos acreditam que há poucas chances de progresso entre os dois presidentes.

Para analistas, o que vai acontecer em Honduras depende das atitudes que os Estados Unidos tomarem em relação à crise. A ajuda de Washington ao país hondurenho já foi cortada, mas eles ainda não usaram todo o poder econômico e diplomático para tentar resolver a crise.

Zelaya já se reuniu com a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton. Micheletti também procurou se reunir com Hillary, mas não foi recebido. O presidente Barack Obama já se manifestou a favor da devolução do cargo presidente deposto.

A crise política em Honduras começou depois que o presidente Zelaya tentou realizar um referendo sobre mudanças na Constituição. A oposição diz que isso permitiria a reeleição do presidente, que é proibida pela Constituição. Manuel Zelaya foi obrigado a deixar o país no dia 28 de junho, quando foi deposto. Seu mandato terminaria em janeiro do ano que vem.

Fonte


Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati