Tempestades no sul da China deixam 3 mortos e 13 desaparecidos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

26 de agosto de 2017

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Desastres geológicos provocados pelo tufão Hato deixaram três pessoas mortas e outras 13 desaparecidas na província de Yunnan, no sudoeste da China, disseram autoridades locais no sábado.

Até as 10 horas da manhã de sábado, inundações, deslizamentos de terra e deslizamentos de terra haviam afetado mais de 410.000 pessoas em 64 municípios, forçando a evacuação de quase 8.400 pessoas e causando o colapso das casas de 85 famílias, de acordo com o departamento provincial de assuntos civis.

Hato foi o 13º tufão a atingir a China este ano. Chegou na quarta-feira à cidade de Zhuhai, província de Guangdong, no sul da China, e depois se mudou para o oeste, perdendo força.

Levou chuvas no leste e sul de Yunnan de quarta a sexta-feira. Das 8h de quarta-feira às 8h de sábado, quatro estações de monitoramento na província registraram precipitação de mais de 250 milímetros.

Fontes