Superstição gera aumento de casos de estupro de menores no norte da Nigéria

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

4 de janeiro de 2008

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Foi denunciado, pela polícia nigeriana, um aumento no número de casos de violência sexual contra crianças e adolescentes na cidade de Kano, uma das mais importantes do norte da Nigéria. Segundo fontes da região, uma superstição de que isto poderia levar à cura da AIDS e/ou à fortuna estaria provocando isto.

Nos últimos meses, mais de 60 pessoas, com idades entre 45 e 70 anos, foram declaradas culpadas por abuso de crianças com idades entre 3 e 11 anos, e o fenômeno não pode ser quantificado com precisão, porque várias famílias de vítimas se recusam a procurar ajuda, tentando proteger a honra familiar.

Em diversos países da África, acredita-se também que a relação sexual de um soropotivo com uma mulher virgem, poderia levar à cura da doença que atualmente assola o continente.

Fontes