Seis trabalhadores de organizações humanitárias mortos no Sudão do Sul

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

Agência VOA

27 de março de 2017

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Seis trabalhadores de organizações humanitárias foram mortos numa emboscada no Sudão do Sul, no sábado, 25, enquanto viajavam da capital Juba para a cidade de Pibor, revelou ontem (domingo, 26), a Organização das Nações Unidas sem dizer para quem trabalhavam.

Foi o maior número de trabalhadores de organizações humanitárias mortos num único incidente desde que a guerra civil do país começou em 2011, disse o comunicado da ONU.

Na quinta-feira, 23, as forças de paz indianas protegeram de 800 a mil civis temerosos de um ataque iminente em Pibor, após confrontos entre clãs, revelou também a ONU.

Na semana passada, o país declarou que há milhares de pessoas passando fome.

Fontes