Secretaria pretende vacinar 2,9 milhões de crianças contra a poliomielite em São Paulo

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

13 de junho de 2009

São Paulo, SP, Brasil

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo pretende vacinar 2,9 milhões de crianças menores de 5 anos contra a poliomielite. Segundo a secretaria, o número corresponde a 95% do total de pessoas nessa faixa etária no estado.

A primeira fase da campanha vai ocorrer no dia 20, das 8h às 17h, nos mais de 16 mil postos de saúde de São Paulo. A segunda etapa está prevista para 22 de agosto.

A poliomielite, conhecida como paralisia infantil, é causada pelo poliovírus selvagem. Entre os sintomas da doença estão febre, mal-estar e dor de cabeça.

De acordo com a secretaria, São Paulo não registra casos de paralisia infantil há 21 anos. Apesar disso, o secretário de Saúde Luiz Roberto Barradas Barata, ressalta a importância de os pais levarem os filhos aos postos de saúde para serem vacinados.

“É muito importante que todas as crianças menores de 5 anos sejam levadas aos postos de saúde no próximo dia 20 para receber uma dose da vacina Sabin. Apenas essas duas gotinhas garantem proteção contra a poliomielite”, afirmou o secretário, por meio de nota.

No comunicado, a secretaria informa que as crianças que forem aos postos de saúde no dia 20 de junho poderão também colocar em dia a caderneta de vacinação, uma vez que estarão disponíveis vacinas como a tetravalente (contra difteria, tétano, coqueluche e meningite), a tríplice viral (contra sarampo, caxumba e rubéola) e contra a hepatite.

Fonte


Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati