Secretaria pretende vacinar 2,9 milhões de crianças contra a poliomielite em São Paulo

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

13 de junho de 2009

São Paulo, SP, Brasil

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo pretende vacinar 2,9 milhões de crianças menores de 5 anos contra a poliomielite. Segundo a secretaria, o número corresponde a 95% do total de pessoas nessa faixa etária no estado.

A primeira fase da campanha vai ocorrer no dia 20, das 8h às 17h, nos mais de 16 mil postos de saúde de São Paulo. A segunda etapa está prevista para 22 de agosto.

A poliomielite, conhecida como paralisia infantil, é causada pelo poliovírus selvagem. Entre os sintomas da doença estão febre, mal-estar e dor de cabeça.

De acordo com a secretaria, São Paulo não registra casos de paralisia infantil há 21 anos. Apesar disso, o secretário de Saúde Luiz Roberto Barradas Barata, ressalta a importância de os pais levarem os filhos aos postos de saúde para serem vacinados.

“É muito importante que todas as crianças menores de 5 anos sejam levadas aos postos de saúde no próximo dia 20 para receber uma dose da vacina Sabin. Apenas essas duas gotinhas garantem proteção contra a poliomielite”, afirmou o secretário, por meio de nota.

No comunicado, a secretaria informa que as crianças que forem aos postos de saúde no dia 20 de junho poderão também colocar em dia a caderneta de vacinação, uma vez que estarão disponíveis vacinas como a tetravalente (contra difteria, tétano, coqueluche e meningite), a tríplice viral (contra sarampo, caxumba e rubéola) e contra a hepatite.

Fonte


Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati