Secretário-geral da ONU está preocupado com situação da Venezuela

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

26 de fevereiro de 2015

ONU

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon expressou hoje (26) sua preocupação com os novos incidentes de violência e morte na Venezuela. Por meio de um comunicado lido por seu porta-voz, Ban Ki-moon disse que está ciente da disposição do governo venezuelano de fazer uma investigação profunda sobre os acontecimentos, entre eles a morte a tiros, por um policial, de um estudante de 14 anos, durante manifestação contra o governo de Nicolás Maduro.

Stephan Dujarric, porta-voz do secretário-geral da ONU, disse que Ban Ki-moon soube do apelo feito em 20 de fevereiro pelo secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA) para a construção de um espaço de diálogo no país. “O secretário-geral respalda os esforços do secretário-geral da União das Nações Sul-Americanas [Unasul] de relançar o diálogo iniciado em abril de 2014 entre o governo e membros da oposição com apoio da Unasul e a Santa Fé para ajudar o país a superar seus desafios e garantir os direitos humanos de todos os venezuelanos”, disse o porta-voz, acrescentando que Ban Ki-moon saúda a visita à Venezuela de uma delegação de chanceleres da Unasul, composta pelos chanceleres de Brasil, Colômbia e Equador.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati