Rumsfeld fala sobre populismo e corrupção na América Latina

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Secretário de Defesa Donald Rumsfeld responde a perguntas durante colectiva em Washington, DC.

4 de fevereiro de 2006

O Secretário de Estado dos EUA Donald Rumsfeld disse durante entrevista colectiva na quinta-feira (2) em Washington, DC que "os recentes resultados eleitorais na Venezuela e na Bolívia não servem para indicar uma tendência de governos anti-americanos a se espalhar pela América Latina".

Segundo o secretário, a maioria dos países latino-americanos deseja cooperar militarmente, politicamente e economicamente com os Estados Unidos da América. Ele disse que "muitos latino-americanos estão a recorrer a líderes populistas como Evo Morales na Bolívia e Hugo Chávez na Venezuela é porque estão cansados da corrupção". Para Rumsfeld, tanto Morales quanto Chávez tiveram sucesso eleitoral porque prometeram acabar com a corrupção.

"A corrupção é algo que é corrosivo para a democracia. Se você pensar sobre isso, verá que pessoas livres elegem pessoas, e então elas vêem um sistema que tem corrupção. E isto é perturbador para elas", disse Rumsfeld.

Fontes