Romeu Zema acompanha vacinação contra a covid-19 em Montes Claros

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

18 de abril de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O governador Romeu Zema acompanhou em Montes Claros, no Norte do estado, o processo de vacinação contra a covid-19. Minas Gerais recebeu nesta sexta mais de 700 mil vacinas para distribuir a todas as regiões e iniciar a imunização de pessoas entre 60 e 64 anos, além de dar continuidade à vacinação dos trabalhadores da Saúde, idosos acima de 65 anos e profissionais das Forças de Segurança.

Montes Claros recebeu, até o momento, cerca de 90 mil doses dos imunizantes. Zema acompanhou a vacinação de alguns idosos e militares e conversou com profissionais da Saúde da cidade. “É extremamente gratificante presenciar mais uma vez este momento que é realmente a solução definitiva para a pandemia. Sabemos que só com a vacinação em massa vamos em alguns meses ter uma vida normal novamente”, disse o governador, lembrando, no entanto, que as medidas de higienização e o uso de máscaras ainda são muito importantes na prevenção da doença.

“Aproveito a visita a Montes Claros para comunicar que estamos recebendo uma grande carga de medicamentos que são utilizados em UTIs e vão permitir que hospitais trabalhem com menos estresse. Muitos estavam trabalhando com estoque quase próximo a zero desses medicamentos, que são fundamentais nos pacientes que estão entubados. Estamos também recebendo mais de 701 mil doses tanto para primeira dose quanto para segunda da vacina contra a covid, que estaremos distribuindo com a maior rapidez para todo o estado, fazendo com que esse processo avance mais”, afirmou o governador.

O secretário de Estado de Saúde, o médico Fábio Baccheretti, e o vice-prefeito do município, Guilherme Augusto Guimarães Oliveira, também acompanharam a imunização em Montes Claros.

Zema ressaltou, ainda, todo o esforço de sua gestão para ampliar a capacidade do sistema de Saúde no estado no enfrentamento à pandemia. Somente na macrorregião Norte de Minas, houve um aumento de 153,9% na capacidade de leitos de UTI, passando de 115 em fevereiro de 2020 para 292 em abril deste ano. Também foram criados 670 leitos de Enfermaria, um aumento de 87,7%.

Fontes[editar]

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit