Reunião de líderes vai decidir sobre votação de relatório da LDO

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Agência Brasil

15 de julho de 2015

A votação do projeto que estabelece a proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), no plenário da Câmara, deve ficar para depois do recesso parlamentar, em agosto. Na Comissão Mista de Orçamento (CMO), a votação do relatório, prevista para hoje (15), não ocorreu porque o relator da proposta, deputado Ricardo Teobaldo (PTB-PB), ainda não conseguiu fechar o texto.

Amanhã (16), está prevista uma reunião de líderes para definir quando relatório será votado. O mais provável, em razão do recesso parlamentar (18 a 31 de julho), é que o texto seja votado na primeira semana de agosto, quando a Câmara retorna aos trabalhos.

O texto recebeu 3.027 emendas, entre elas duas que propõem a revisão da meta de superávit primário deste e do próximo ano. A primeira emenda reduz a meta de 2015 de R$ 66,32 bilhões (1,2% do Produto Interno Bruto – PIB) para R$ 22,1 bilhões (0,4% do PIB).

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati