Procurador da República recorre contra as acusações contra Lula e André Esteves no caso Cerveró

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

1 de setembro de 2017

Brasília —


Ivan Cláudio Marx, do Ministério Público Federal, recorreu contra as acusações contra o ex-presidente Lula e o banqueiro André Esteves por tentativa de compra do silêncio do ex-diretor da Petrobrás, Nestor Cerveró. O Cláudio Marx afirma que não há provas da participação deles no esquema criminoso.

Neste pedido, Cláudio Marx também pede a retirada dos benefícios concedidos à Delcídio do Amaral dados graças à delação premiada feita pelo ex-senador. Ele alega que o ex-senador mentiu em sua delação, o que levou à abertura do processo contra Lula.

Segundo o Ministério público, as provas mostram que quem queria comprar o silêncio de Cerveró era Delcídio. O que ele queria era barrar o ex-diretor da Petrobrás de delatá-lo, escondendo que supostamente recebeu de propina R$ 4 milhões da construtora UTC.

O pedido do Ministério Público ainda será analisado pelo juiz do caso.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati