Presidente interino do Egito assume o poder

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


4 de julho de 2013

Brasília – O presidente nomeado pelas Forças Armadas do Egito, Adly Mansour, de 67 anos, tomou posse hoje (4) e prestou juramento diante da Suprema Corte Constitucional, que comandava até ontem. Mansour ficará interinamente no poder até que sejam realizadas eleições presidenciais, segundo as Forças Armadas. O interino substitui o presidente deposto Mouhamed Mursi.

A nomeação de Mansour foi anunciada pelo ministro da Defesa, Abdel Fattah Al Sisi, nessa quarta-feira. Mansour foi nomeado interino apenas dois dias após assumir a presidência da Suprema Corte do Egito.

Mansour era vice-presidente da Suprema Corte desde 1992 e foi encarregado de redigir a lei de supervisão para as eleições presidenciais, que ocorreram no ano passado e nas quais Mursi foi vitorioso. Nascido no Cairo, a capital egípcia, ele é formado em direito e fez pós-graduação em legislação geral e ciência administrativa. Estudou em Paris de 1975 a 1977.

Antes de assumir funções na Corte Suprema, Mansour fez parte do Conselho de Estado do Egito, em 1984, assumindo inclusive a presidência do órgão. Ele é casado e tem três filhos. Assume interinamente o poder com o apoio das Forças Armadas e de diferentes segmentos da oposição.

Os militares que destituíram Mursi ontem não informaram, por enquanto, quando ocorrerão as eleições presidenciais. O presidente deposto é mantido detido, juntamente com colaboradores, sob a supervisão dos militares.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati