Polícia detém navio brasileiro com mais de 2 toneladas de cocaína no Atlântico

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

22 de julho de 2005

A polícia da Espanha, ajudada por autoridades americanas da Drug Enforcement Administration (DEA), das polícias britânicas, italianas e brasileiras, pararam um navio com bandeira brasileira com cerca de 2,5 toneladas de cocaína em águas internacionais do Oceano Atlântico, a 700 milhas das Ilhas Canárias.

O navio em questão é um pesqueiro de 25 metros de comprimento chamado "Brasimex-1". As autoridades espanholas abordaram o navio por volta das 2 horas, hora local (22 horas no Brasil). Foram presos sete tripulantes, todos brasileiros. A droga estava, segundo a polícia, dentro de 90 pacotes, armazenados nos porões do navio.

O navio com a droga foi levado para o Porto de Las Palmas da Grande Canaria.

Fontes