Papa chega ao Paraguai em sua última escala na América do Sul

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

10 de julho de 2015

Paraguai — O papa Francisco chegou na tarde de hoje (10) ao Paraguai, onde foi recebido no Aeroporto Internacional Silvio Pettiross pelo presidente Horácio Cartes. O Paraguai é última etapa da viagem de oito dias do pontífice à América Latina.

Ao sobrevoar o espaço aéreo argentino, com destino ao Paraguai, Francisco enviou dois telegramas: um ao presidente Evo Morales, a quem agradeceu, assim como ao povo boliviano, por ter “compartilhado dias cheios de graças e bênçãos”, e outro, à presidenta argentina, Cristina Kirchner.

"Ao sobrevoar a amada pátria argentina para começar a minha visita pastoral ao Paraguai, de bom grado envio uma cordial saudação a Sua Excelência, expressando minha proximidade e afeto a esta querida nação, para a qual peço ao Senhor copiosas graças que a permitam progredir nos valores humanos e espirituais, aumentando o compromisso pela justiça e pela paz”, diz a mensagem enviada à chefe do governo da Argentina.

Na Bolívia, Francisco visitou, na manhã desta sexta-feira, o Centro de Reabilitação de Palmasola, em Santa Cruz de la Sierra. Dirigindo-se aos presos, o pontífice afirmou que “reclusão não é o mesmo que exclusão, porque a reclusão faz parte de um processo de reinserção na sociedade”.

Há muitos elementos que jogam contra este lugar: a superlotação, a morosidade da justiça, a falta de terapias ocupacionais e de políticas de reabilitação, a violência. Tudo isso torna necessária uma pronta e eficaz aliança interinstitucional para se encontrar respostas. Mas, enquanto se luta por isso, não podemos dar tudo por perdido.

Papa Francisco

O papa iniciou a viagem à América do Sul no Equador, onde chegou no domingo (5). Ele encerra sua visita neste domingo (12) na capital paraguaia, Assunção, com um encontro com jovens.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati