Pai de Isabella é indiciado por crime de homícidio

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Brasil • 18 de abril de 2008

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O diretor do Departamento de Polícia Judiciária da Capital (Decap), delegado Aldo Galiano, afirmou hoje que o pai de Isabella, Alexandre Nardoni, foi indicado pela Polícia Civil pelo assassinato de sua filha, e disse que Anna Carolina Jatobá, madrasta da menina, será indiciada ainda esta noite.

Isabella Nardoni, ou "menina Isabella" como ficou conhecida, 5 anos, foi encontrada ferida, no sábado, dia 29 de março, no jardim do prédio onde moram o pai e a madrasta, Anna Carolina Trotta Peixoto Jatobá, na zona norte de São Paulo.

Segundo bombeiros, a menina chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta da 0h. O casal ficou preso por 9 dias suspeito de envolvimento no crime.

O delegado acredita que o caso estará "totalmente delineado" até a semana que vem, quando haverá uma entrevista coletiva

O delegado disse que o depoimento de Nardoni transcorre "bem", mas que a polícia não se pronunciará sobre os fatos por causa do sigilo nas investigações, e disse que as qualificadoras (se foi homicídio qualificado ou não) serão decididas só depois do interrogatório.

O governador José Serra (PSDB) disse hoje estar ansioso pelo fim das investigações sobre o caso. "Estou como todo mundo ansioso para que se chegue logo a uma situação desse caso e que as coisas fiquem bem claras. Trata-se de um crime revoltante e evidentemente estou na expectativa que tudo seja devidamente apurado e julgado pela Justiça", afirmou.

O governador ainda disse:

Não posso dar minha impressão pessoal

, afirmou José Serra em referência ao seu cargo de governador de estado.

Fontes