ONU aponta Venezuela como uma das principais rotas do tráfico de drogas

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

19 de fevereiro de 2009

A Venezuela aparece com destaque no relatório de uso e produção mundial de drogas divulgado hoje (19) pela Organização das Nações Unidas (ONU). O país é citado em diversos trechos do documento, sempre chamado pelo nome de República Bolivariana da Venezuela.

Logo no quinto parágrafo do capítulo destinado à América do Sul, o relatório diz que "grupos criminosos internacionais continuam usando a República Bolivariana da Venezuela com uma das principais áreas de saída para carregamentos de drogas ilícitas deixando a América do Sul. O contrabando de cocaína através desse país tem crescido significativamente desde 2002”.

Segundo a ONU, 70% da droga que passa pelo país tem como destino a Europa, especialmente a Espanha.

Como medida de combate ao tráfico, o governo da Venezuela informou, no documento, que destruiu 90 campos de pouso usados por traficantes, de um total de 180 detectados, e que instalou radares nas regiões mais usadas, principalmente na fronteira com a Colômbia.

Em 2007, foram apreendidas 31,8 toneladas de cocaína em território venezuelano, com a prisão de 4.150 pessoas. A Embaixada da Venezuela no Brasil foi procurada para comentar o relatório, mas não se pronunciou a respeito.



Fontes