Novas pesquisas mostram disputa acirrada entre Dilma e Marina

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

3 de setembro de 2014

Brasil

Uma pesquisa do Ibope divulgada nesta quarta-feira apontou Dilma Rousseff (PT) com 37% das intenções de voto e Marina Silva (PSB) com 33% na corrida para a Presidência da República. O candidato Aécio Neves (PSDB) tem 15% e o Pastor Everaldo (PSC) tem 1%. Os outros sete candidatos somados acumulam 2%. O levantamento indica que, em um eventual segundo turno entre Dilma Rousseff e Marina Silva, a ex-senadora apareceria com 46% e a atual presidente, que tenta a reeleição, com 39%.

O Ibope simulou os seguintes cenários de segundo turno:

  1. Marina Silva: 46%
  2. Dilma Rousseff: 39%
  3. Branco/nulo: 8%
  4. Não sabe/não respondeu: 6%

E ainda:

  1. Dilma Rousseff: 47%
  2. Aécio Neves: 34%
  3. Branco/nulo: 11%
  4. Não sabe/não respondeu: 8%

O instituto não simulou um segundo turno entre Marina Silva e Aécio Neves. O Ibope ouviu 2.506 eleitores em 175 municípios entre 31 de agosto e 2 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

No mesmo dia, uma pesquisa do Datafolha apontou os seguintes percentuais de intenção de voto na corrida para a Presidência da República: Dilma Rousseff (PT): 35%; Marina Silva (PSB): 34%; Aécio Neves (PSDB): 14%; Pastor Everaldo (PSC): 1%. O levantamento indica que, em um eventual segundo turno entre Dilma e Marina, a candidata do PSB venceria a do PT por 48% a 41%. Na simulação de segundo turno entre Dilma e Aécio, a petista venceria por 49% a 38%.

Pela primeira vez, o instituto fez uma simulação entre Marina e Aécio. O resultado foi 56% a 28% para a candidata do PSB. O Datafolha ouviu 10.054 eleitores em 361 municípios entre 1º e 3 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista.

Fontes[editar]