No skate, Kelvin Hoefler conquista primeira medalha do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio 2020

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
2020 Summer Olympics text logo.svg
Jogos Olímpicos de Verão de 2020

25 de julho de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Na madrugada deste domingo (25), o paulista Kelvin Hoefler conquistou a medalha de prata nas ruas masculinas com 36,15 pontos nas finais, atrás apenas do japonês Horigomi Yuto com 37,18. O americano Jagger Eaton subiu ao pódio com uma pontuação total de 35,35. A primeira medalha do Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020 ficará registrada na história. Afinal, foi a primeira vez que ele participou das finais do skate olímpico, e a versão 2021 foi incluída nos Jogos Olímpicos pela primeira vez.

É uma final que vale a pena participar dos Jogos Olímpicos e também é uma atuação marcante dos brasileiros. Kelvin liderou o Heat no primeiro tempo e viu Horito assumir a liderança na sua ação pessoal e fechou-a com o seu melhor resultado para garantir a medalha de prata. O outro brasileiro Felipe Gustavo fez história e tornou-se o primeiro skatista a participar das Olimpíadas.

Isso aqui representa o skate brasileiro, a nossa garra e a nossa persistência. Isso aqui não é só meu, não, é o skate do Brasil que merece isso aqui, merece até mais. Isso aqui é o começo de uma geração do Brasil que está por vir, e amanhã tem muito mais

disse Hoefler à TV Globo, depois de ganhar a medalha de prata.

O melhor skatista do Japão, atual vice-campeão mundial e segundo colocado, ganhou a medalha de ouro. Depois de um decepcionante início de duas voltas, ele surpreendeu-o com quatro movimentos quase perfeitos. Horigomi Yuto, que nasceu em Tóquio, conquistou a maior pontuação de toda a competição, com 9,50 pontos. O garoto americano de 20 anos Jagger Eaton também ficou em terceiro lugar com as suas jogadas notáveis, mas ele perdeu as duas últimas tentativas e a oportunidade de ultrapassar Kelvin e Horito.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit