Nicarágua: último país da América Central a eliminar teste de COVID-19 para entrar

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

18 de junho de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

A Nicarágua finalmente eliminou o teste PCR de Covid-19 para entrar no país, informaram as autoridades de saúde em comunicado divulgado à noite.

O único requisito que Manágua estabelecerá como medida preventiva para a pandemia é o cartão de vacinação com o esquema completo, caso contrário, um resultado PCR negativo para Covid deve ser apresentado, com 72 horas da coleta.

A Nicarágua foi o último país da América Central a exigir testes de Covid-19, apesar de ter minimizado a pandemia ao convocar eventos massivos, contrariando as indicações das autoridades de saúde.

A medida atingiu o setor de turismo, que despencou.

A exigência de teste foi imposta desde julho de 2020 e causou críticas do exterior, especialmente de milhares de nicaraguenses que estão na Costa Rica por motivos de trabalho e que viajam constantemente para Manágua.

De fato, naquele mês houve uma crise após a entrada em vigor do regulamento quando cerca de 300 nicaraguenses, incluindo crianças e idosos, solicitaram a entrada no país sem sucesso.

O teste foi eliminado na América Central primeiro pelo governo de El Salvador em novembro de 2021; depois Guatemala, Honduras, Costa Rica e Panamá.

Fontes