Motorista também diz que Palocci ia a mansão em Brasília

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

19 de março de 2006

Brasil

O motorista Francisco Chagas da Costa, que trabalhava para os donos da mansão em Brasília alugada pelos ex-assessores de Antonio Palocci, foi procurado pela reportagem do jornal Folha de S. Paulo. Ele disse que o Ministro da Fazenda Antonio Palocci foi várias vezes à casa.

Francisco já havia dito para a CPI dos Bingos que vira Palocci entrar na mansão umas três vezes. Na recente entrevista o motorista reafirmou ter visto o ministro da Fazenda na casa mais vezes e forneceu outros detalhes.

O motorista disse que Antonio Palocci era tratado pelos donos da casa pelo apelido de "chefe". Segundo o motorista, Palocci costumava ir à mansão toda semana num Peugeot prata, de propriedade do Ralf Barquete.

Francisco disse que em companhia do caseiro Francenildo dos Santos Costa entregou um evelope com dinheiro (cerca de R$ 7 mil) para Adermison Ariosvaldo da Silva, secretário particular de Antonio Palocci.

Fontes