Morre ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

21 de novembro de 2009

Brasil


O ex-prefeito de São Paulo, Celso Pitta, morreu às 23h50 de ontem (20), aos 63 ano, em decorrência de câncer disseminado no intestino. Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o dia 3 de novembro.

A luta do ex-prefeito contra doença teve início em janeiro. Em abril ele chegou a ser autorizado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) a cumprir pena em prisão domiciliar por causa da doença. Pitta havia sido condenado por não pagar pensão alimentícia à ex-mulher Nicéa Pitta.

No ano passado, o ex-prefeito foi preso durante a Operação Satiagraha da Polícia Federal, acusado de envolvimento em crimes contra o sistema financeiro.

Também em 2008, o ex-prefeito havia sido condenado pela Justiça federal de São Paulo pelos crimes de desvio de verba pública e endividamento do município, no episódio que ficou conhecido como escândalo dos precatórios, referentes ao período em que ele era secretário das Finanças da prefeitura de São Paulo, na gestão do então prefeito Paulo Maluf (PP-SP).

O velório ocorrerá a partir do meio-dia, na Assembleia Legislativa de São Paulo. O enterro está marcado para as 17h, no Cemitério Getsêmani.

Fontes


Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com