Moçambique recebe novos membros do Corpo da Paz

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Moçambique.

Agência VOA

Primeiro contingente chegou ao país em 1988.

3 de dezembro de 2014

Moçambique

O novo grupo de voluntários americanos do Corpo da Paz em Moçambique prestou ontem (terça-feira, 2) em Maputo.

No total são 54 novos voluntários formados na área pedagógica que em breve deverão iniciar trabalho voluntário nas 10 províncias do país, durante dois anos.

Ao falar durante a cerimónia, o encarregado de Negócios da Embaixada americana em Moçambique, Mark Cassayre asseverou que os voluntários possuem capacidades educacionais que, por sua vez, compartilharão com professores e alunos.

Cassayre sublinhou que os voluntários devem servir de exemplo, criando importantes conexões humanas nas províncias em que estão afectos de modo a dar continuidade do legado de partilha de conhecimento entre povos.

O encarregado de negócios da Embaixada dos Estados Unidos em Moçambique agradeceu a equipa de voluntários por ter concordado em abandonar as suas famílias para ajudar outros povos e nações distantes.

“Vocês deixaram o conforto das vossas casas na América para viajar para longe das vossas famílias e dedicarem vosso tempo, energia e contribuição na ajuda àquelas que precisam”, afirmou o diplomata.

O grupo de voluntários é constituído por docentes de inglês, biologia, química, física e matemática.

Com este grupo, Moçambique passa a contar com 175 membros do Corpo da Paz.

Os primeiros voluntários chegaram ao país em 1988.

Fonte[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati