Moçambique recebe novos membros do Corpo da Paz

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Moçambique.

Agência VOA

Primeiro contingente chegou ao país em 1988.

3 de dezembro de 2014

Moçambique

O novo grupo de voluntários americanos do Corpo da Paz em Moçambique prestou ontem (terça-feira, 2) em Maputo.

No total são 54 novos voluntários formados na área pedagógica que em breve deverão iniciar trabalho voluntário nas 10 províncias do país, durante dois anos.

Ao falar durante a cerimónia, o encarregado de Negócios da Embaixada americana em Moçambique, Mark Cassayre asseverou que os voluntários possuem capacidades educacionais que, por sua vez, compartilharão com professores e alunos.

Cassayre sublinhou que os voluntários devem servir de exemplo, criando importantes conexões humanas nas províncias em que estão afectos de modo a dar continuidade do legado de partilha de conhecimento entre povos.

O encarregado de negócios da Embaixada dos Estados Unidos em Moçambique agradeceu a equipa de voluntários por ter concordado em abandonar as suas famílias para ajudar outros povos e nações distantes.

“Vocês deixaram o conforto das vossas casas na América para viajar para longe das vossas famílias e dedicarem vosso tempo, energia e contribuição na ajuda àquelas que precisam”, afirmou o diplomata.

O grupo de voluntários é constituído por docentes de inglês, biologia, química, física e matemática.

Com este grupo, Moçambique passa a contar com 175 membros do Corpo da Paz.

Os primeiros voluntários chegaram ao país em 1988.

Fonte[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati