Moçambique:três candidatos ao Palácio da Ponta Vermelha

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

15 de agosto de 2009

Em Moçambique, o Conselho Constitucional anunciou, ontem, em comunicado tornado público, em Maputo, que apenas três dos nove candidatos reúnem as condições legais para se apresentarem às eleições presidenciais de 28 de outubro próximo.

Aptos a se apresentarem ao pleito eleitoral figuram apenas os nomes dos candidatos da FRELIMO, no poder, o atual presidente Armando Gebuza, o líder da RENAMO, Afonso Dhlakama, e o dirigente do recém-formado Movimento Democrático de Moçambique, MDM, Davis Simango.

Entre os nomes excluídos o destaque vai para Raúl Domingos, um veterano da política em Moçambique, e líder do Partido para a Paz Democracia e Desenvolvimento.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati