Ministério seleciona projetos que combatem o desperdício de alimentos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

25 de outubro de 2018

O Ministério do Meio Ambiente está recebendo inscrições de projetos e boas práticas que evitam perda e desperdício de alimentos. O prazo para envio das iniciativas é amanhã (26), às 18h. A inscrição pode ser feita pelo formulário online.

Serão escolhidas as três melhores iniciativas para cada categoria do edital: produção, pós-colheita, processamento, comercialização e consumo. As propostas vencedoras serão divulgadas nas mídias eletrônicas do Ministério, vão receber certificado de reconhecimento e integrar a base de dados da pasta.

A chamada pública é aberta para pessoas físicas, instituições registradas no Brasil, instituições pertencentes às administrações públicas municipal, estadual e federal, direta ou indireta; instituições de pesquisa e/ou tecnologia e instituições privadas, com e sem fins lucrativos.

As iniciativas avaliadas como as que promovem maior aproveitamento de comida no Brasil também vão participar de seminário em Brasília, durante a Semana Nacional de Conscientização da Perda e Desperdício de Alimentos 2018, que será realizada de 5 a 11 de novembro.

Segundo a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), mais de 30% – aproximadamente 1,3 bilhão de toneladas – da produção de comida do mundo vai para o lixo. No Brasil, o volume de desperdício, em 2013, chegou a 26,3 milhões de toneladas de alimentos. Produtos como arroz, milho, tomate e cebola são os mais desperdiçados no país.

A iniciativa de promover as boas práticas tem o objetivo de atender os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, que tem como uma de suas metas reduzir pela metade o desperdício de alimentos per capita mundial, desde a etapa de produção até o abastecimento e consumo, incluindo as perdas pós-colheita. Outra meta da chamada Agenda 2030 é erradicar a fome.

Ao promover as boas práticas, o governo brasileiro busca implementar a Estratégia Intersetorial para a Redução de Perdas e Desperdício de Alimentos no Brasil, elaborada pelo Comitê Técnico de Perdas e Desperdício de Alimentos, no âmbito da Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional, do qual faz parte o Ministério do Meio Ambiente.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati