Micheletti proíbe pouso de avião de Zelaya em Honduras

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

5 de julho de 2009

Nenhum avião no qual o presidente de José Manuel Zelaya Rosales esteja viajando terá permissão para aterrissar em Honduras, informa a agência de notícias argentina Telam. O aviso foi dado por Roberto Micheletti, que ocupa a Presidência do país desde domingo passado (28), quando um golpe de Estado tirou Zelaya do poder.

Ainda segundo a Telam, as operações no aeroporto foram canceladas por três dias. Hoje (5), o novo governo de Honduras também negou autorização para ingresso do avião presidencial no espaço aéreo hondurenho, de acordo com fontes oficiais da Argentina.

As mesmas fontes disseram que o governo de Micheletti negou ainda o pedido de voo e aterrissagem em Tegucigalpa, capital de Honduras, do avião da presidente da Argentina, Cristina Kirchner. Ela pretendia viajar àquele país para apoiar a recondução de Zelaya à Presidência.

Zelaya foi deposto horas antes de iniciar uma consulta pública para reformar a Constituição de Honduras, o que lhe daria a possibilidade de se reeleger. Ele foi preso por um grupo de militares e obrigado a sair do país. Ainda no domingo passado, ele seguiu para a Costa Rica.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati