Micheletti proíbe pouso de avião de Zelaya em Honduras

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

5 de julho de 2009

Nenhum avião no qual o presidente de José Manuel Zelaya Rosales esteja viajando terá permissão para aterrissar em Honduras, informa a agência de notícias argentina Telam. O aviso foi dado por Roberto Micheletti, que ocupa a Presidência do país desde domingo passado (28), quando um golpe de Estado tirou Zelaya do poder.

Ainda segundo a Telam, as operações no aeroporto foram canceladas por três dias. Hoje (5), o novo governo de Honduras também negou autorização para ingresso do avião presidencial no espaço aéreo hondurenho, de acordo com fontes oficiais da Argentina.

As mesmas fontes disseram que o governo de Micheletti negou ainda o pedido de voo e aterrissagem em Tegucigalpa, capital de Honduras, do avião da presidente da Argentina, Cristina Kirchner. Ela pretendia viajar àquele país para apoiar a recondução de Zelaya à Presidência.

Zelaya foi deposto horas antes de iniciar uma consulta pública para reformar a Constituição de Honduras, o que lhe daria a possibilidade de se reeleger. Ele foi preso por um grupo de militares e obrigado a sair do país. Ainda no domingo passado, ele seguiu para a Costa Rica.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati