Médicos franceses descobrem homem sem cérebro

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

24 de julho de 2007

Médicos franceses descobriram um homem que leva uma vida praticamente normal apesar de não possuir um cérebro propriamente dito. A notícia foi publicada num artigo da revista britânica "The Lancet" pelo Dr. Lionel Feuillet que atendeu o paciente.

Segundo foi divulgado pelos médicos, o "homem sem cérebro" é funcionário público, casado, 44 anos e tem dois filhos. Seu quoficiente de inteligente (QI) é 75, pouco menor da média normal 80, o que não o impede de levar uma vida normal.

Os médicos descobriram o caso porque o homem procurou o hospital em 2003 com um problema na perna. Após passar por um exame de ressonância magnética os médicos verificaram o caso raro e diagnosticaram-no como uma hidrocefalia não comunicante, com um aumento da quantidade de líquido da cabeça.

Segundo os médicos, o cérebro em si formado pela substância cinzenta e branca, estaria comprimido nas paredes do crânio.

Fontes