Jornal alemão que reproduziu charges do Charlie Hedbo é atacado

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

11 de janeiro de 2015

Alemanha

A sede do jornal alemão Hamburger Morgenpost foi atacada hoje (11), na cidade de Hamburgo. A publicação reproduziu caricaturas do profeta Maomé feitas pelo Charlie Hebdo, um dia após ao atentado no jornal francês. Segundo a polícia local, pedras e uma bomba foram atiradas nas janelas da redação do jornal. Não houve feridos, e o fogo foi controlado rapidamente.

Após os ataques na França, o governo alemão aumentou a vigilância nas fronteiras e aeroportos do país. O Ministério Público alemão anunciou neste domingo a prisão de um homem suspeito pertencer ao Estado Islâmico. De acordo com o Ministério Público alemão, o suspeito tem 24 anos, viajou para a Síria em outubro de 2013 e retornou à Alemanha no final do ano passado. Segundo o órgão, a prisão não está relacionada aos ataques ao Charlie Hebdo. As autoridades informaram que não há provas de que o suspeito planejava realizar ataques terroristas.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati