Irã resolve preocupações da AIEA sobre instalações nucleares

Fonte: Wikinotícias

30 de maio de 2023

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O Irã e a Agência Internacional de Energia Atômica resolveram questões sobre um dos três locais onde os inspetores encontraram material nuclear não declarado anteriormente, informou a mídia estatal iraniana na terça-feira.

A AIEA há anos busca respostas do Irã sobre o que os inspetores disseram ser a presença de “partículas de urânio de origem antropogênica”.

Uma série de reuniões, incluindo uma visita em março a Teerã do chefe da AIEA, Rafael Grossi, trouxe promessas do Irã de cooperar com a investigação.

A mídia estatal iraniana disse na terça-feira que os dois lados resolveram o caso do sítio de Marivan, localizado na província de Fars.

A AIEA disse anteriormente ter informações de que em 2003 o Irã planejava usar e armazenar material nuclear no local para testes explosivos. O Irã negou as acusações de que trabalhou para desenvolver armas nucleares.

Os temores de um programa de armas iraniano levaram ao acordo de 2015 que o Irã assinou com o Reino Unido, China, França, Rússia, Estados Unidos e Alemanha, que restringiu o programa nuclear do país em troca do alívio das sanções.

Os Estados Unidos se retiraram do acordo em 2018 devido ao que o então presidente Donald Trump disse serem termos muito favoráveis ​​ao Irã.

Fontes