Imprensa sonha com chapa democrata Obama-Clinton ou Clinton-Obama

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

4 de fevereiro de 2008

USA Flag Map.svg
Eleições EUA 2008


A hipótese de união partidária reunindo Barack Obama e Hillary Clinton para as candidaturas à presidência e à vice-presidência dos Estados Unidos faz a imprensa sonhar, já que a imagem de uma mulher e de um negro concorrendo juntos à Casa Branca seria um símbolo forte.

Obama disse que se for eleito presidente dos Estados Unidos, formará sua administração com pessoas competentes e íntegras.

E quando questionado por uma jornalista: "Então, Hillary Clinton se encaixa neste perfil?" Obama respondeu: "Hillary estaria entre os favoritos de qualquer um".

A questão racial perturbou a campanha durante a primária da Carolina do Sul.

Uma aliança Clinton-Obama "não seria a chapa dos sonhos", disse Donna Brazile, ex-diretora de campanha do democrata Al Gore em 2000, lembrando que os dois candidatos se enfrentaram duramente sobre vários temas.


Fontes