Homens sentem mais prazer na vingança que as mulheres

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ficheiro de tomografia cerebral mostra a ativação de certas áreas do cérebro.

19 de janeiro de 2006

Homens tem uma satisfação maior que as mulheres quando observam uma vingança. Este é o resultado de um estudo realizado pela University College London e que foi publicado na revista Nature. Os pesquisadores descobriram que homens e mulheres sentem simpatia por pessoas que estão sofrendo mas homens sentem prazer se quem está sofrendo é alguem de quem eles não gostam.

A pesquisa realizada por neurocientistas foi feita da seguinte forma: 32 voluntários participaram de um jogo financeiro. Entre os voluntários haviam atores contratados para agir de forma desleal no jogo fazendo com que os voluntários perdessem dinheiro. Após o jogo, os voluntários tiveram sua atividade cerebral monitorada por um "scanner" enquanto assistiam os atores serem sujeitos a sessões de choques elétricos. Quando o ator em questão tinha jogado de forma justa, homens e mulheres mostraram ativação das áreas cerebrais relacionadas a simpatia. As mulheres ainda mostravam algum grau de simpatia quando o ator levando choques havia sido desleal mas os homens mostravam ativação das áreas relacionadas ao prazer. Os homens parecem ter maior predisposição para desejar que aqueles que agiram de forma injusta sejam punidos. De acordo com a cientista lider do projeto, Tania Singer "Este estudo parece mostrar que é uma atribuição importante no homem manter a justiça e dar punições".

Fontes