Guatemala: Giammattei e Arévalo iniciam o processo de transição

Fonte: Wikinotícias
Presidente Alejandro Giammattei (centro) com Bernardo Arévalo, além do secretário da OEA, Luis Almagro (direita)

5 de setembro de 2023

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O presidente em exercício da Guatemala, Alejandro Giammattei, recebeu na segunda-feira o seu sucessor, Bernardo Arévalo, para iniciar o processo de transição depois que o líder do Movimento Semilla obteve a vitória nas urnas em agosto passado.

A reunião, visando que Arévalo pudesse assumir a presidência do país no dia 14 de janeiro e que decorreu à portas fechadas no Palácio Nacional da Cultura, contou com a presença -além dos dois políticos e respetivas equipes- de uma delegação da Organização dos Estados Americanos (OEA).

O encontro entre Giammattei e Arévalo acontece depois de na semana passada Semilla ter pedido ao Tribunal Superior Eleitoral a anulação da suspensão do partido.

Segundo a proclamação oficial dos resultados, Arévalo obteve 60,9% do apoio popular no segundo turno contra sua rival Sandra Torres, em uma eleição marcada pela polêmica e pelas manobras legais do Ministério Público contra Semilla.

Apenas uma hora antes, o registo eleitoral guatemalteco tinha suspenso o partido Semilla que nomeou nas eleições presidenciais o progressista Bernardo Arévalo, que venceu, sem esclarecer se isso afetará a vitória do candidato.

O Ministério Público da Guatemala já havia providenciado a abertura de uma investigação e um juiz ordenou a suspensão da personalidade jurídica do movimento político quando foram conhecidos os resultados oficiais do primeiro turno das eleições, nas quais Arévalo foi uma surpresa.

O processo judicial foi interrompido por um amparo do Tribunal Constitucional até ao final do processo eleitoral, que termina com a proclamação oficial dos resultados.

A atuação do Ministério Público causou preocupação na comunidade internacional e na sociedade guatemalteca.

Notícia relacionada

Fontes