Greve geral paralisa Portugal

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

24 de novembro de 2011


A greve geral convocada pelas centrais sindicais Portuguesas continuam a paralisar o País de norte a Sul, com os sindicatos a apontarem para uma adesão à greve superior à greve geral do ano passado. Com uma alta taxa de adesão no sector dos transportes públicos, que impossibilitou em especial o transporte de trabalhadores que não aderiram de se deslocarem ao trabalho, aumentou ainda mais o número de trabalhadores que não foram trabalhar no dia de hoje.

Os aeroportos pararam, tendo sido cancelados 121 dos 140 voos previstos pela ANA, o Metro de Lisboa não está em funcionamento, os comboios pararam na maior parte do país, escolas e serviços públicos estiveram hoje como se de um domingo se trata-se. A destoar da imagem de domingo só o imenso tráfego automóvel que se verificou nas grandes cidades, daqueles que tentavam, pelos seus próprios meios irem para o seu posto de trabalho.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati