Governo recebe levantamento sobre situação das cidades-sedes para Copa de 2014

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

8 de setembro de 2009

Brasil


O governo federal recebeu hoje (8) levantamento feito pela Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib) sobre as condições das 12 cidades-sedes da Copa do Mundo 2014. A Federação Internacional de Futebol (Fifa) criticou a situação dos estádios brasileiros para a Copa do Mundo de 2014, conforme foi noticiado pela imprensa.

A associação mapeou a estrutura das cidades em nove áreas: mobilidade urbana, aeroportos, portos, energia, saneamento, telecomunicações, rede hoteleira, rede hospitalar e segurança pública. Não foi analisada a situação dos estádios.

O presidente da Abdib, Paulo Godoy, não revelou detalhes do mapeamento e nem qual sede está em melhor ou pior situação. Ele apenas citou cidades que precisam melhorar em determinadas áreas. No quesito aeroporto, por exemplo, Godoy afirmou que São Paulo apresenta mais problemas e Recife tem as melhores condições.


Cquote1.png

Não é preciso grandes intervenções para atender a todos os requisitos da Fifa.

Cquote2.svg
Godoy, depois de entregar o estudo ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ministros




O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, criticou as condições dos estádios brasileiros selecionados para o Mundial. Fez críticas, por exemplo, ao projeto para o estádio do Morumbi, em São Paulo, segundo a imprensa.

O ministro do Esporte, Orlando Silva, minimizou as críticas. Ele admitiu que não há, atualmente, nenhum estádio pronto para a Copa de 2014. “Não tem nenhuma novidade na informação de que não há estádio pronto para a Copa e não tem nenhuma novidade na informação de que é preciso executar obras para aperfeiçoar o estádio do Morumbi”, afirmou Orlando Silva

O ministro informou que, na próxima semana, serão realizadas reuniões técnicas com representantes das 12 cidades-sedes para discutir a estrutura dos aeroportos, portos, estádios, da mobilidade urbana e rede hoteleira, além de estratégia de financiamento.

As cidades-sede para a Copa de 2014 são: Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de janeiro, Salvador e São Paulo.

Fontes


Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati