Filha do aliado de Putin morre em carro-bomba em Moscou

Fonte: Wikinotícias
Aleksandr Dugin

21 de agosto de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Darya Dugina, filha do comentarista político russo Alexander Dugin, morreu quando o Toyota Land Cruiser que ela dirigia foi destruído por uma forte explosão cerca de 20 quilômetros a oeste de Moscou.

De acordo com a mídia estatal, ela morreu depois que seu carro explodiu em chamas.

Acredita-se que seu pai, o comentarista político russo Alexander Dugin, conhecido como "cérebro de Putin" ou "filósofo de Putin", pode ter sido o alvo do ataque.

Fontes ocidentais citam que Dugin pode ter sido o cérebro por trás da anexação da Crimeia pela Rússia. Acredita-se também que Dugin lançou as bases ideológicas para a invasão russa da Ucrânia em 2022. Dugin pede um Império Russo totalitário iliberal para controlar o continente eurasiano de Dublin a Vladivostok para desafiar a América e "Atlanticismo".

Autoridades russas sugeriram que a Ucrânia está por trás do ataque.

Fontes