Fenômeno que confirmou a Teoria da Relatividade completa 100 anos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

24 de maio de 2019

Hoje, cem anos atrás, na esteira da Primeira Guerra Mundial, um astrônomo britânico assistiu a um eclipse solar em busca de sinais de que um físico alemão pode estar certo sobre distorções no universo.

As novas e ousadas idéias teóricas pertenceram ao físico alemão Albert Einstein, cujo sobrenome é sinônimo de gênio. A Teoria da Relatividade foi proposta por Einstein em 1915 e é um dos pilares da física moderna ao lado da mecânica quântica.

Mas o nome dele nem sempre produz esse sentimento: as pessoas duvidavam que suas teorias descrevessem a realidade, e foi necessário um experimento especial durante um eclipse solar para cimentar Einstein como uma lenda da física.

Os eclipses solares são tão milagrosos quanto parecem: a cada poucos anos, a lua da Terra é capaz de apagar completamente e com precisão o corpo do sol visto do nosso planeta. Como apontam as fotos tiradas pelo rover Curiosity da NASA em março de 2019, planetas como Marte não têm a mesma sorte, mesmo com duas luas para trabalhar.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com