Faixa de Gaza: Israel e Hamas fecham acordo de cessar-fogo

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

21 de maio de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Por Pan ARMENIAN

O governo de Israel e o Hamas, grupo que governa Gaza, anunciaram um cessar-fogo após 11 dias de combates nos quais 232 palestinos em Gaza e 12 pessoas em Israel morreram.

O gabinete de segurança de Israel disse na quinta-feira, 20 de maio, que votou a favor de uma trégua "mútua e incondicional" em Gaza, proposta pelo mediador Egito, mas acrescentou que a hora e data da implantação ainda não foi acordada.

O Hamas e o grupo armado Jihad Islâmica Palestina (PIJ) confirmaram o cessar-fogo "mútuo e incondicional" em um comunicado e disseram que começaria às 2h da madrugada desta sexta-feira.

O acontecimento ocorreu em meio ao crescente alarme global sobre o derramamento de sangue, com o presidente dos EUA, Joe Biden, instando o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, a aceitar as ofertas de mediação do Egito, Catar e das Nações Unidas para diminuir a escalada da violência na região.

O presidente egípcio, Abdel Fattah el-Sisi, ordenou que duas delegações de segurança trabalhassem em Israel e nos territórios palestinos ocupados para manter o cessar-fogo.

A trégua encerraria alguns dos combates mais ferozes desde 2014, que causou destruição generalizada em Gaza e afetou grande parte da vida diária em Israel.

Notícia Relacionada

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit