Facebook começa a mesclar bate-papos do Instagram e do Messenger

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

16 de agosto de 2020

O Facebook parece estar mudando de posição sobre a integração dos sistemas de bate-papo para o Instagram e o Messenger.

Na sexta-feira, 14 de agosto, vários editores do The Verge nos Estados Unidos - em dispositivos iOS e Android - notaram uma tela de atualização no aplicativo móvel do Instagram com a mensagem “há uma nova maneira de enviar mensagens no Instagram” com uma lista de recursos, incluindo um “novo visual colorido para seus bate-papos”, mais emojis, a facilidade de deslizar para responder e o mais importante: “converse com amigos que usam o Facebook”.

Depois de clicar em atualizar, o ícone DM regular no canto superior direito do Instagram é substituído pelo logotipo do Facebook Messenger.

Os bate-papos no Instagram estão realmente mais coloridos do que antes, com as mensagens do remetente mudando entre azul e roxo. No entanto, pelo menos por agora, ainda não é possível enviar mensagens aos usuários do Facebook pelo Instagram, apesar do Facebook, com isto, ter deixado claro seus planos de unificar as plataformas de mensagens de seus aplicativos para permitir o envio de mensagens cruzadas entre Messenger, Instagram e WhatsApp.

Segundo analistas, o Facebook está reconstruindo a infraestrutura subjacente para que os usuários que estavam em apenas um de seus aplicativos pudessem se conectar a outros usando diferentes aplicativos. O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, também disse que deseja que o sistema seja criptografado de ponta a ponta. O objetivo é que, ao integrar seus aplicativos mais populares, o Facebook pode ser capaz de competir mais diretamente com o iMessage da Apple.


Fonte

Domínio Público Esta notícia é uma transcrição parcial ou total da PanARMENIAN.
Este texto pode ser utilizado desde que seja Atribuído corretamente aos autores e ao sítio oficial
.
Veja os termos de uso (copyright) na página da PanARMENIAN
Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com