Encceja Nacional tem 1,69 milhão de inscritos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

30 de abril de 2018

Mais de 1,69 milhão de pessoas se inscreveram para fazer o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja Nacional) neste ano. Desses, 356,3 mil desejam obter o certificado de conclusão do ensino fundamental e 1,33 milhão, do ensino médio. As provas serão aplicadas no dia 5 de agosto.

O número de inscritos neste ano é 7% maior que o do ano passado, quando o Encceja Nacional teve 1,57 milhão de inscritos.

O Encceja é direcionado a jovens e adultos que não conseguiram concluir os estudos na idade apropriada. Quem quer a certificação de conclusão do ensino fundamental precisa ter 15 anos completos na data de realização do exame, em 5 de agosto. Já os candidatos à certificação de conclusão do ensino médio devem ter 18 anos completos. A participação é voluntária e gratuita.

Os locais de prova serão divulgados em julho, quando o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizará o cartão de confirmação da inscrição na página do participante. Este ano o Encceja Nacional será aplicado em 592 municípios, 28 a mais que em 2017.

Nome social

Os participantes do Encceja que desejarem atendimento pelo nome social poderão fazer a solicitação até sexta-feira (4), pela página do participante. O candidato deve ter documentos que comprovem a condição que motiva a solicitação de atendimento pelo nome social, como: fotografia atual, cópia digitalizada de um dos documentos de identificação oficial com foto e cópia assinada e digitalizada do formulário de solicitação de atendimento pelo nome social disponibilizado na página do participante.

As solicitações aprovadas dão ao participante o direito de ser distribuído pelas salas de aplicação de acordo com seu nome social, e não de acordo com o nome oficial. O participante também terá todos os documentos relacionados à aplicação identificados com o nome social.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati