Empate entre Grêmio e Portuguesa embola a Série B

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fussball.jpg

13 de novembro de 2005

Brasil


Com o empate entre Grêmio e Portuguesa em 2 a 2, ontem à tarde, em Porto Alegre, o quadrangular final da Série B do Campeonato Brasileiro fica ainda mais equilibrado. Os gaúchos mantiveram a liderança, com seis pontos, mas quem vencer o clássico pernambucano de hoje assume a liderança. Mesmo o lanterna Náutico tem chances.

No jogo de ontem, tivemos dois tempos totalmente distintos. Na etapa inicial, a Portuguesa teve sucesso explorando os contra-ataques e fez 2 a 0 (gols de Almir e Leandro) diante de uma atônito Grêmio, que não conseguia criar chances de gol. Antes dos 40 minutos, alguns torcedores já começavam a vaiar dos donos da casa, especialmente o garoto Anderson, de 17 anos, considerado a grande esperança do tricolor, mas que esteve apagado em campo.

Já no segundo tempo, o Grêmio “atropelou” os paulistas. Empurrado pelos 47 mil torcedores que lotaram o Estádio Olímpico, em dois minutos de jogo já havia criado duas chances de gol. Aos três, Marcelo descontou. A Portuguesa não resistiria à pressão: aos 25, o capitão gremista Sandro cobrou falta e o goleiro Gléguer falhou, resultando no empate. Mesmo tendo pressionado nos últimos 25 minutos de jogo, o Grêmio não conseguiu o gol que lhe daria a vitória.

Hoje, no Estádio do Arruda, em Recife, Santa Cruz e Náutico fecham a quarta rodada, num total de seis, da fase final da Série B. Caso dê empate, basta ao Grêmio vencer o Santa Cruz, no sábado que vem, que garante a ascensão à Série A de 2006.

Fontes