Ditador Daniel Ortega vence eleição de fachada na Nicarágua

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Daniel Ortega

8 de novembro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O ditador da Nicarágua, Daniel Ortega e sua esposa, venceram a eleição presidencial de fachada ontem. Ortega tinha mandado prender sete concorrentes e só enfrentou candidatos desconhecidos nas urnas.

O presidente e sua esposa, a vice-presidente Rosario Murillo, foram reeleitos por mais cinco anos, após eleições que foram declaradas "fraude" pela oposição e por vários países, segundo os primeiros resultados anunciados pelo Tribunal Eleitoral da Nicarágua na manhã de segunda-feira.

O casal lidera a contagem de votos com 74,99%. Outros candidatos, como Walter Espinoza, do Partido Liberal Constitucional, acumulou 14,40% dos votos, e o pastor Guillermo Osorno, do Camino Cristiano Nicaragüense, 3,44%. Ambos os grupos foram identificados como “colaboradores do partido no poder”.

Mais de 30 figuras da oposição, incluindo sete candidatos à presidência, foram presos desde junho, quando o governo Ortega implementou uma série de reformas legislativas antes das eleições.

Apoiadores do governo e instituições do Estado da Nicarágua comemoraram antecipadamente a vitória do casal presidencial em diferentes pontos centrais de Manágua e outros departamentos do país.

Fonte



Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit