Dirigentes da Casa-CE no Namibe foram libertados

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

26 de setembro de 2014

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O secretário executivo provincial da Casa-CE, Sampaio Mucanda, o seu adjunto Francisco Kandjamba e o secretário municipal do Tombwa, Valentino Calenga, foram postos em liberdade no meio de aplausos de centenas de jovens que se preparavam para uma manifestação pública em torno do caso.

Os dirigentes foram presos na sequência de incidentes registados após fiscais governamentais terem queimado as redes de pescadores na localidade de Tombwa por alegada pesca ilegal.

Dezenas de famílias encontram-se agora sem pode auferir meios de sustentação.

“Consideramo-nos presos políticos porque não cometemos crime, fomos presos no exercício das nossas funções políticas, em defesa das comunidades que vivem exclusivamente da pesca,” disse Sampaio Mucanda para quem as prisões são um meio de intimidação.

"Vamos ganhando experiencias e na medida em que pensam que as cadeias nos intimidam estão a fortalecer as nossas convicções para frente é o caminho», concluiu Mucanda.

Dois deputados paralamentares da Casa-CE, Lindo Bernardo Tito e Leonel Gomes, ambos advogados, eram aguardados ao longo do dia de hoje, a fim de interpor um recurso às sentenças.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com