Cuba desenvolve bactéria para combate contra a dengue

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

3 de março de 2007

Cuba começou a desenvolver uma bactéria capaz de destruir as larvas do mosquito Aedes aegypti, agente transmisso da dengue. É o que informa nesta quinta (01/03) o jornal oficial Juventud Rebelde

O diretor da Unidade de Luta Antivetorial da província de Camagüey, Raúl de Armas, disse que a bactéria é obtida por um processo de fermentação e, ao ser ingerida pelas larvas do mosquito, provoca uma reação em seu tubo digestivo que lhe causa a morte.

A eficiência da bactéria em destruir as larvas do mosquito transmissor da dengue foi comprovada em testes realizados em laboratório e em áreas comprometidas com focos do mosquito, como cisternas, fossas e tanques.

A bactéria foi descoberta em 1911, na província alemã de Tringia. Seu uso não afeta a saúde humana, e seu caráter biodegradável a faz desaparecer em sete dias sem contaminar o meio ambiente.

Fontes