Covid-19: Casa Real é criticada por "tour natalino" em meio à medida de isolamento

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

8 de dezembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram
Prince William and Duchess Kate of Cambridge visits Sweden 02.jpg

Uma estratégia que muitos entenderam como uma forma de "levantar o moral" dos britânicos à véspera do Natal, após meses e meses de pandemia de Covid-19, o tour do Príncipe William e sua esposa Catherine ontem e hoje gerou uma nova dor de cabeça para a Rainha Elizabeth.

É que em meio às medidas de distanciamento e isolamento social impostas no Reino Unido, os escoceses não entenderam porque o Duque e a Duquesa de Cambridge tenham insistido na ação e, após a chegada dos dois a Edimburgo, Escócia, criticaram o casal nas redes sociais, já que a Escócia estava na chamada Fase 3 de contenção da pandemia, o que significava que viagens para dentro e fora do país estavam proibidas.

Segundo o Insider, uma pessoa escreveu no Twitter que "se William e Kate podem quebrar as regras de bloqueio e não serem multados por isso, por que alguém deveria seguir as regras?"

A imprensa reporta que Nicola Sturgeon, primeira-ministra da Escócia, disse que a Casa Real foi comunicada antecipadamente sobre a medida de restrição das viagens para poder decidir se seguia ou não com os planos do Royal Train Tour - como foi oficialmente chamado. Ela também disse que "a visita real é um assunto da Família Real e quaisquer dúvidas sobre este assunto devem ser dirigidas à Família Real".

William e Catherine viajaram no Trem Real Britânico, que pertence ao monarca do Reino Unido, neste caso à Rainha Elizabeth.

Notícia Relacionada

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit