Costa Rica convoca nova reunião para tratar da crise política em Honduras

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

15 de julho de 2009

O presidente da Costa Rica, Oscar Arias, convocou nova reunião para o próximo sábado (18), na capital San José, com o presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, e o governo interino liderado por Roberto Micheletti, com o objetivo de negociar uma solução para a crise política no país. As informações são da BBC Brasil.

De acordo com Estevan Arrieta, da área de imprensa da Presidência da Costa Rica, representantes de Micheletti e de Zelaya se reuniram ontem (14) com assessores de Arias para acertar os detalhes do próximo encontro.

O presidente da Costa Rica é o principal mediador da crise política em Honduras, iniciada no último dia 28 com a deposição de Zelaya. Ele conta com o apoio dos Estados Unidos, da União Europeia e da Organização dos Estados Americanos (OEA).

Na última segunda-feira (13), o presidente deposto deu um ultimato ao governo interino para voltar ao poder. Ele disse que, caso não seja reempossado até o final desta semana – após a reunião convocada pela Costa Rica –, considerará a mediação “fracassada” e tomará “outras medidas”.

Arias pediu paciência a Manuel Zelaya. “Claro que entendo o desejo do presidente Zelaya de regressar e retomar a Presidência o mais breve possível, mas a experiência me diz que temos que ter paciência”, disse.

Os Estados Unidos também se pronunciaram sobre o ultimato do presidente deposto. O Departamento de Estado norte-americano pediu que não sejam adotados “prazos artificiais” para as negociações. “Todas as partes devem dar a esse processo algum tempo. Não se pode dizer que, se tal coisa não acontecer em certo tempo, o diálogo está morto”, afirmou o porta-voz do departamento, Ian Kelly.


Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati