Corpo de Bombeiros Militar do Acre completa 47 anos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

6 de abril de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre (CBMAC) completou no domingo, 4 , 47 anos de existência. Uma história marcada por muitas lutas e conquistas, buscando melhor atender a população acreana. Atualmente, com cerca de 467 militares na ativa, o CBMAC está presente em sete municípios do estado: Rio Branco, Epitaciolândia, Cruzeiro do Sul, Sena Madureira, Tarauacá, Feijó e Xapuri, contando com nove unidades operacionais e três administrativas.

Para o comandante-geral do CBMAC, coronel Carlos Batista, a data é de suma importância não só para a corporação, mas para a população acreana, em ter ao longo 47 anos uma instituição que cresceu e se tornou uma referência em nosso país, principalmente nos serviços prestados à comunidade. “É um grande orgulho comandar esta corporação que tanto cresceu ao longo de sua existência, tornando-se uma referências em resgate, salvamento, combate aos incêndios estruturais e florestais, mergulho, trabalhos de prevenção, vistorias, palestras em escolas, aeroportos, e em outras atividades de defesa civil, quer seja nas inundações ou outros grandes desafios que afetam o nosso estado”, destacou o comandante.

No último ano, a corporação atendeu um total de 24.287 ocorrências, em que foi necessária a atuação das equipes, além das situações resolvidas por orientações via telefone e apoio a outros órgãos. Nesse universo de ocorrências atendidas, estão desde busca em mergulho, salvamento terrestre, veicular e aquático, atividades de defesa civil, incêndio em vegetação, residencial e veicular e captura e controle de insetos, entre outras. Além disso, o trabalho preventivo realizado influencia diretamente o número de ocorrências, que poderia ser bem maior.

A profissão de bombeiro militar requer muita capacidade, habilidades e competências, além do preparo físico dos guerreiros e guerreiras da corporação para atender com excelência a sociedade. “Nossa vida é lutar pelo bem-estar da sociedade, quer seja no incêndio, quer seja no salvamento, mesmo que para isso tenhamos que colocar em risco as nossas próprias vidas. A nossa profissão é um desafio diário e nosso compromisso é sempre manter o atendimento de excelência, sendo que o governo do Estado tem investido bastante em nossa instituição para garantir o padrão do Corpo de Bombeiros Militar, na melhor resposta àqueles que precisam”, pontuou o coronel Batista.

Fontes[editar]

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit