Conferência de Paris marca posição internacional sobre Oriente Médio

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

15 de janeiro de 2017

A Conferência pela Paz no Oriente Médio realizada neste domingo (15), em Paris, para discutir a questão entre Israel e a Palestina, terminou com um claro posicionamento de parte da comunidade internacional a favor da criação de dois Estados, como a única saída para o conflito histórico na região. Israel não participou da conferência, que foi considerada "uma farsa" pelo premiê Benjamin Netanyahu.

Sem ambição de uma proposta final, o evento foi encerrado com uma mensagem de 70 países e ONGs internacionais ao presidente americano eleito Donald Trump: a criação de dois Estados pode solucionar a crise histórica e reabrir o diálogo interrompido entre as partes.

No encerramento da conferência, o presidente francês François Hollande declarou que "a solução de dois Estados não é o sonho de um sistema que ficou para trás. É ainda e sempre o objetivo da comunidade internacional". Hollande esclareceu que não existe a intenção de ditar regras aos dois lados. "Somente as negociações diretas entre israelenses e palestinos podem conduzir à paz, ninguém poderá fazer isso no seu lugar", afirmou.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati