Chuvas causam transtornos em Brasília

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

9 de janeiro de 2009

Brasília

A forte chuva que atingiu Brasília na tarde desta quinta-feira (8) causou uma série de problemas. Em apenas 20 minutos, diversos pontos do Plano Piloto - área central da cidade - ficaram alagados. Além disso, as principais vias da capital federal ficaram congestionadas e as estações do metrô no Plano Piloto pararam de funcionar.

O trânsito ficou complicado devido à interdição do viaduto da Rodoviária de Brasília, mais conhecido como Buraco do Tatu, no Plano Piloto. Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, o local ficou com mais de 40 centímetros de água. Com isso, todas as pistas que ligam a Asa Norte à Asa Sul ficaram congestionadas, além de dificultar o acesso ao Eixo Monumental, principal via de acesso a Taguatinga para quem está no Plano Piloto.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, alguns semáforos foram desligados e muitas passagens entre as quadras residenciais do Plano Piloto, conhecidas como tesourinhas, foram alagadas. Na passagem da quadra 215 Norte, um carro ficou parado na água.

O Corpo de Bombeiros informou que houve uma colisão entre duas carretas no quilômetro 16 da DF-290, próximo à cidade satélite do Gama. O único ferido foi Iromar Lemos dos Santos, que fraturou os membros inferiores e foi levado ao Hospital do Gama.

A chuva, que começou por volta das 16h40, também provocou queda de energia em diversos pontos da cidade. No Setor Bancário Sul, os fortes ventos chegaram a destruir parcialmente alguns pontos comerciais. Houve também vários relatos de quedas de árvores, mas sem registros de feridos.

Fontes

Reportagem original
Esta notícia contém reportagem original de um Wikicolaborador. Veja a página de discussão para mais detalhes.